O Que Você Procura ?

paracetamol serve para dor de cabeça

Paracetamol serve para dor de cabeça? Saiba quando é indicado

dentista2

O paracetamol é um dos remédios mais utilizados do mundo, já que é uma das soluções para problemas comuns no cotidiano. Mesmo não trazendo riscos expressivos à saúde, é frequentemente usado de forma incorreta.

Saiba aqui se o paracetamol serve para dor de cabeça, quais são suas indicações, tipos e qual o risco de tomar esse remédio de qual forma:

O que é o paracetamol?

O paracetamol é um tipo de MIP (Medicamento Isento de Prescrição), podendo ser comprado sem prescrição médica. Além disso, também faz parte da classificação de medicamentos Aines (Anti-Inflamatórios Não Esteroidais), já que possui um mecanismo de ação capaz de combater somente inflamações mais leves.

Trata-se de um tipo de analgésico, capaz de aliviar dores agudas e moderadas, e antitérmico, atuando no controle de temperatura da febre.

O paracetamol pode ser encontrado em farmácias e drogarias, seja em sua forma genérica ou sob outros nomes como acetaminofeno e tylenol. Além disso, o paracetamol pode ser encontrado em solução em gotas, suspensão oral, pó de preparação e comprimidos mastigáveis, efervescentes ou revestidos.

paracetamol é bom para dor de cabeça

Afinal, o paracetamol é bom para dor de cabeça?

O paracetamol está entre os medicamentos capazes de aliviar dores de cabeça agudas e tensionais.

As dores de cabeça são muito frequentes e podem comprometer diretamente o bom desempenho das atividades diárias e a qualidade de vida. Geralmente, entre as principais causas desse sintoma estão cansaço e excesso de estresse.

Pessoas que sofrem com dores de cabeça tensionais frequentemente costumam relatar de 2 a 14 episódios por mês.

dentista1

O paracetamol por afetar os químicos das prostaglandinas (substância liberada em resposta a complicações e mal-estar) é capaz de amenizar as dores de cabeça, não só as agudas, mas também moderadas. Dessa forma, o paracetamol atua fazendo com que a dor de certa forma, passe despercebida.

Muitas pessoas ficam em dúvida se optam pelo uso do paracetamol ou do ibuprofeno diante das dores de cabeça constantes. No entanto, ambos possuem propriedades bem semelhantes, sendo ambos analgésicos e antitérmicos. Contudo, o ibuprofeno possui potencial anti-inflamatório, sendo assim, em casos mais leves e que não envolvam inflamações, o paracetamol é a melhor opção.

Caso a dor de cabeça continue e prolongue-se para o terceiro dia, acompanhada de sintomas como dor em outros locais do corpo, cansaço excessivo (exaustão), aumento da febre, dor generalizada e confusão, o médico deve ser consultado.

Quais as indicações do paracetamol?

Além das dores de cabeça, o paracetamol possui uma série de outras indicações. Veja aqui para que serve o paracetamol:

  • Dor de cabeça;
  • Dor de dente;
  • Dor muscular;
  • Dores de garganta;
  •  Cólicas pré-menstruais e menstruais;
  •  Dores lombares;
  • Osteoartrite;
  • Sinusite;
  • Febre;
  • Gripes e resfriados;
  • Dores características da artrite;
  • Dores leves ou moderadas provocadas por traumas.

Independente da motivação, o uso do medicamento deve ser feito seguindo as orientações da bula e do médico, nunca ultrapassando mais de quatro doses em 24 horas sob o risco de complicações por sobredosagem.

Caso os sintomas das complicações persistirem por mais de 3 dias, o médico deve ser consultado.

Quais os riscos do paracetamol? Contraindicações?

O uso do paracetamol é bastante seguro, se utilizado de forma adequada e nas dosagens certas. Em casos de sobredosagem o indivíduo pode sentir eventos adversos graves, incluindo hepatite medicamentosa e morte.

Logo, quando o seu uso for o mais indicado, deve-se observar a dose máxima diária e o intervalo das doses estabelecido na bula para cada faixa-etária e peso. Normalmente o intervalo recomendado entre as dosagens é de 4 a 6 horas.

Mesmo sendo um fármaco de uso comum, o paracetamol pode ser contraindicado em algumas situações, como casos de glaucoma, diabetes, hipertensão grave, doença renal crônica, de distúrbios da artéria coronária, de insuficiência hepática e de homens como hipertrofia da próstata.

Especialmente pessoas com doenças renais, crianças, idosos com mais de 60 anos e gestantes recentes, devem se submeter a uma orientação médica para o seu uso seguro.

Aumentar a dosagem também está entre as contraindicações, somente sendo permitido com o consentimento do profissional de saúde relacionado.

Como usar o paracetamol corretamente?

O paracetamol pode ser utilizado somente por via oral, sendo o indicado o seu consumo antes ou após as refeições. Comumente o efeito do medicamento se inicia de 15 a 30 minutos depois da ingestão da dose.

Caso se esqueça de tomar uma das doses, nunca dobre a próxima e opte por reajustar o horário de acordo com a última dose, prosseguindo com o tratamento normalmente com um novo planejamento de horários.

visitas regulares ao dentista

Visitas regulares ao dentista

As visitas regulares ao dentista são essenciais para que problemas bucais que possam motivar a dor de dente sejam identificados em sua fase precoce.

É pelas visitas periódicas ao consultório odontológico que se é possível realizar a ação preventiva e tratamentos ortodônticos o quanto antes, mantendo a saúde bucal e o bem-estar do paciente, evitando o uso de medicamentos como o paracetamol.

Logo, a visita a uma clínica odontológica OralDents visa não só um sorriso mais bonito, mas também uma melhor qualidade de vida.

O seu sorriso é nossa prioridade! Confie na OralDents!

Você tem alguma pergunta? Deixe sua pergunta abaixo e nós teremos prazer em respondê-las.

dentista

Deixe um Comentário

(0 comentário)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp Logo Agende Uma Consulta Agora!