O Que Você Procura ?

o que é obturação

O que é obturação: entenda o tratamento e como funciona

dentista2

Afinal, o que é obturação? A obturação é um procedimento odontológico bem comum e bastante popular. Isso se deve ao fato de ser um dos tratamentos da cárie, um dos principais problemas associados à saúde bucal.

No entanto, muitas vezes esse procedimento é confundido com o processo de restauração, o que faz sentido na prática, mas não quanto a técnica.

Saiba aqui o que é a obturação, como funciona e qual a diferença entre elas.

o que é obturação

O que é obturação?

A obturação de dente, também chamada de restauração, se trata do tratamento que visa reconstituir a função estética e mastigatória do dente comprometido por cárie, por algum tipo de trauma, ou desgastados pelo ranger de dentes do bruxismo.

Logo, ao ser encaminhado para o tratamento de cárie ou reconstrução dentária, o paciente pode ser encaminhado para uma obturação, que reveste o dente por meio de um material obturador.

A obturação, mesmo que seja um procedimento invasivo, é feita por uma metodologia simples e indolor, uma vez que o dentista faz uma aplicação anestésica no local antes de iniciar sua ação no dente danificado.

No caso de cárie, o dentista primeiramente irá realizar a remoção do tecido cariado para assim limpar o local e aplicar a matéria-prima, seja ela porcelana, resina, ouro, amálgama de prata ou ionômeros de vidro.

Como funciona uma obturação no dente?

O objetivo principal da extração ou restauração do dente é justamente retomar as funções da estrutura dentária que foi comprometida, retomando não só uma aparência mais natural e forma anatômica, mas também a sua função no processo digestivo.

dentista1

A obturação também possui o seu caráter preventivo, colaborando para que o dente não seja atingido novamente por microrganismos e exija procedimentos como a extração da estrutura dentária (exodontia).

Logo, para evitar complicações como essa a necessidade de obturar o dente deve ser identificada o quanto antes através de um acompanhamento odontológico adequado.

Dessa forma, o odontologista encaminha o paciente para um exame clínico e, caso seja necessário, para um exame radiográfico (ortopantomografia ou RX periapical). Identificando a cárie, algumas metodologias devem ser tomadas, são elas:

  • Aplicação da anestesia local;
  • Retirada do tecido cariado por brocas e curetas dentinárias;
  • Preparação da abertura com colagem de adesivos específicos para a melhor fixação do obturador;
  • Colocação da matéria prima escolhida;
  • Retirada de sobras e identificação de oclusão, impedindo que haja a interferência nos movimentos feitos pelas arcadas dentárias.

O procedimento é o mesmo independente do dente obturado e de sua localização. No entanto, quando o dente a ser operado é um dente da arcada frontal, a preocupação quanto a estética é ainda maior, sendo o material de resina e de porcelana os mais indicados.

Obturação ou restauração, são a mesma coisa?

A obturação e a restauração, ambas se tratam de técnicas que visam a recuperação do dente que foi prejudicado de alguma forma. São frequentemente associadas ao mesmo tipo de procedimento, mas se diferem segundo a sua prática no consultório.

Diante da restauração estética do esmalte dentário, de sua forma natural e função, é a restauração a indicada pelo dentista, enquanto a obturação trata-se apenas do processo de fechamento da abertura feita no interior do dente.

Ademais, a restauração é utilizada na recomposição de partes da estrutura da coroa dental que foi perdida por cárie ou trauma, também sendo essencial para a mastigação, além da estética, já que se trata da área externa do dente.

A obturação pode ser o complemento de um tratamento de canal, que é o procedimento feito diante de cáries mais profundas que chegam a polpa do dente. Nessa situação, a obturação também devolve as funções dentais por meio de sua cobertura.

O motivo da confusão pode ser o fato de que as duas técnicas estão frequentemente associadas, como no próprio caso de tratamento de canal, em que o dente é vedado pela obturação e ganha eficácia e um melhor impacto estético por meio da finalização com a restauração.

obturação de dente

Quais são os principais tipos de obturação de dente?

Existem vários tipos de materiais de obturadores, matérias-primas usadas no preenchimento da lacuna do dente, variando o valor de cada tipo de obturação . Contudo, cabe ao paciente e ao dentista escolherem qual o melhor tipo de material para a situação.

Cada um dos tipos de obturações possui os seus pontos positivos e negativos, veja quais são a seguir:

Amálgama

A amálgama é um complexo feito de estanho, mercúrio e prata.

A poucos anos atrás, a amálgama de prata era um dos materiais mais indicados para a cobertura de lacunas na dentição. Isso se deve a sua boa durabilidade e ao seu valor menor do que as demais.

No entanto, recentemente, muitos estudos no ramo odontológico, têm sido feitos considerando a toxicidade da liga de amálgama, tendo o mercúrio e pó sido proibido para uso em obturações.

Entre os demais pontos negativos pode-se destacar ainda que esse material possui uma maior tendência em expandir-se e de contrair-se do que as demais opções, o tornando favorável ao aparecimento de fendas e rachaduras.

A obturação de amálgama também fica escura com o tempo, o que pode proporcionar uma experiência negativa ao paciente.

Ouro

O ouro como material obturador também apresenta como característica principal a sua resistência e o fato de não ser suscetível a episódios de erosão. A durabilidade da obturação de ouro também é boa, chegando a cerca de 15 anos.

Quanto às suas desvantagens pode-se citar o alto custo, visibilidade e a sua aplicação mais demorada precisando de uma uma sessão para sua restauração.

Porcelana

Chamada de facetas ou incrustações, pode-se dizer que a porcelana é uma versão da resina, conservando uma coloração mais aproximada do dente natural, resistência a manchas, melhor resistência e menor tendência a desgaste. São feitas sob medida em um laboratório de próteses.

Por outro lado, o valor de uma obturação de porcelana também é mais alto, sendo aproximado a de ouro. Outra desvantagem é que esse tipo de material fica áspero com o tempo, levando ao processo erosivo dos dentes opostos.

Resina composta

O preenchimento do dente feito em resina é bastante indicado quando a aplicação é feita em um dos dentes da frente, graças à sua tonalidade semelhante ao dente natural. Quando é feita uma obturação por resina composta, o material endurece em contato com a estrutura dentária.

Os contras da obturação em resina são a sua menor durabilidade, geralmente de 5 anos, e o valor aquisitivo mais caro que amálgama, no entanto, menor que o de ouro e porcelana. O menor período de duração deve-se ao fato desse material se desgastar e rachar mais facilmente que os demais tipos.

Como cuidar da minha obturação?

Para que a obturação dure um maior tempo, alguns cuidados são necessários para a manutenção de seu bom estado.

  • Boa higiene bucal, com uma escova macia, creme dental com flúor e o uso diário do fio dental e enxaguante bucal;
  • Evitar alimentos muito quentes ou muito frios;
  • Evitar alimentos muito pigmentados e bochechar com água sempre que ingerir;
  • Tomar cuidado com a mastigação, principalmente com alimentos duros e pegajosos, evitando mastigar com o lado do dente obturado;
  • Identificar casos de bruxismo, já que pode está relacionado ao desgaste dentário;
  • Manter as visitas ao dentista regulares.

Tenha em vista que negligenciar essas medidas é capaz de trazer uma série de complicações à saúde bucal, tais como: infiltrações, sensibilidade dentária, gengivite, exposição a cáries e até mesmo a perda do dente.

Visitas regulares ao dentista

É essencial que as visitas ao consultório odontológico sejam periódicas, tendo em vista a manutenção da saúde bucal, do material obturador e a ação preventiva aos problemas bucais.

O paciente deve-se atentar a regularidade de procedimentos como o de profilaxia, a cada 6 meses, evitando assim o acúmulo de microrganismos e a formação da cárie.

Não hesite em contatar seu dentista na clínica odontológica OralDents após identificar rachaduras e fendas na dentição. O processo de restauração do dente não visa apenas um sorriso mais bonito, mas também uma melhor qualidade de vida.

O seu sorriso é nossa prioridade! Confie na OralDents!

Você tem alguma pergunta? Deixe sua pergunta abaixo e nós teremos prazer em respondê-las.

dentista

Deixe um Comentário

(0 comentário)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp Logo Agende Uma Consulta Agora!