Lente de contato dental como funciona

Lente de contato dental: como funciona?

dentista2

Sorrir é uma excelente terapia. Um sorriso aproxima as pessoas e reforça a autoestima de quem sorri e de quem recebe o sorriso. Mas esse simples gesto pode ser reprimido devido a problemas na estética dos dentes. Mas há várias formas de melhorar essa questão, uma delas é usando a lente de contato dental.

No post de hoje, vamos explicar tudo o que é importante saber sobre a lente de contato dental. Acompanhe!

Como funciona a lente de contato dental?

A lente de contato dental é ultra fina e pode ser feita de porcelana ou de resina. Ela funciona como uma “capa” para os dentes parecerem mais brancos e sem defeitos.

O que é lente de contato dental?

Lente de contato dental é uma lâmina de resina ou de porcelana super finos moldadas em uma impressora 3D. Depois, elas são coladas, uma a uma, sobre os dentes do paciente em uma sessão que dura menos de duas horas.

Quais as diferenças entre os tipos de lente de contato dental?

Falamos anteriormente, que existem dois tipos de lentes de contato dental, as de resina (pouco usadas atualmente) e as de porcelana. Então, agora que você já sabe como funciona a lente de contato dental, vamos ver as diferenças entre as duas?

Lente de contato dental de resina          

  • É colocada em apenas 1 consulta dentária
  • Não precisa de molde
  • É menos resistente e menor durabilidade
  • Pode sair com certa facilidade
  • Pode perder a cor e manchar
  • Não dá para ser reparada e precisa ser substituída se estiver danificada
  • Custo: entre R$ 200 a R$ 700 cada lente de contato de resina

Lente de contato de porcelana

  • São necessárias duas ou mais consultas para colocá-las
  • Precisa de molde e de ajustes provisórios
  • É mais resistente e tem ótima durabilidade
  • É mais fixa e não sai facilmente
  • Nunca muda de cor
  • Pode ser restaurada
  • Custo: de R$ 1.400 a R$ 2 mil cada lente de porcelana

Qual a durabilidade da lente de contato dental?

Se você quer colocar lentes de contato nos dentes vai gostar de saber que a nova geração de lentes dentais conta com uma boa durabilidade, de cerca de 10 a 15 anos. Porém, os cuidados para sua manutenção são fundamentais.

Isso porque, a maior ou menor duração está muito ligada à manutenção da higienização da sua boca. Hábitos como escovar os dentes três vezes ao dia, usar o fio dental e visitar o dentista com a frequência que ele recomendar são muito importantes.

Já outros hábitos podem ser muito prejudiciais, encurtando a duração das lentes. Por isso, é preciso evitar roer unhas, morder alimentos e consumir em excesso produtos que causam manchas nos dentes.

Além disso, é preciso realizar o procedimento com um dentista, o profissional capacitado a indicar o uso das lentes, planejar sua colocação, aplicá-las nos dentes e fazer a manutenção correta das mesmas.

Quais são os cuidados para manutenção da lente de contato dental?

  • escovar os dentes ao acordar, depois das refeições e antes de dormir todos os dias, sempre com escovas de cerdas macias;
  • passar o fio dental entre os dentes antes da escovação, pelo menos uma vez ao dia;
  • usar enxaguante bucal uma vez ao dia;
  • ir a cada seis meses (ou pelo menos uma vez ao ano) ao dentista para fazer uma consulta de avaliação nos dentes;
  • não roer as unhas e morder cutículas;
  • não morder objetos duros como pontas de canetas, lapiseiras e lápis;
  • não morder alimentos duros como maçã e cenoura. Ao consumi-las, corte em pedaços com uma faca;
  • quando sentir dor de dente, vá logo ao dentista. Ele avaliará a causa da dor (cárie, sensibilidade nos dentes, fraturas, etc.) e iniciará o tratamento indicado;
  • ao notar que acordou com dor na mandíbula vá ao dentista, pois a causa pode ser bruxismo (ranger dos dentes) e será preciso usar uma placa de mordida para dormir. Isso evitará que você danifique as lentes enquanto dorme.
  • evite fumar, pois o cigarro mancha os dentes e também as lentes de contato dentais;
  • evite o excesso de bebidas e alimentos que mancham ou escureçam os dentes como café, chás escuros, chocolate e molho de tomate em excesso. Uma forma de poder desfrutar de tais alimentos, é tomando um gole de água após consumi-los.

Com relação às limpezas semestrais nos consultórios, é muito importante que o seu dentista saiba que você possui as lentes de contato nos dentes. Isso porque a limpeza não deve ser feita com aparelhos de ultrassom, nem jatos de bicarbonato. Assim, ele saberá qual será a melhor técnica utilizada para a higiene dos dentes.

Lente de contato dental como funciona

Por que as lentes de contato dental são uma tendência?

Se você acompanha algum artista ou personalidade famosa já deve ter percebido que a maioria deles conta com um sorriso perfeito — brancos e totalmente alinhados. Muitos deles, aparecem assim, de uma hora para outra. Se alguma pessoa lhe veio à mente, pode estar certo de que é bem provável que ela tenha colocado lente de contato nos dentes.

E como os famosos são os maiores formadores de tendências, é fácil entender por que várias pessoas estão querendo colocar o acessório nos dentes. Aliás, essa é uma tendência que veio para ficar, já que os dentes ficam perfeitos e melhoram a autoestima de quem a coloca.

Para quem é indicada a lente de contato dental?

Você vai se surpreender com as indicações da lente de contato dental. Isso porque, muitas pessoas pensam que sua principal função é deixar os dentes mais brancos. No entanto, essa é apenas uma das indicações. Veja todas elas:

  • clarear os dentes;
  • preencher espaços entre os dentes;
  • aumentar a largura dos dentes;
  • corrigir desalinhamentos dentários;
  • disfarçar alguns problemas ortodônticos;
  • disfarçar o envelhecimento natural dos dentes;
  • cobrir fraturas (dentes lascados ou quebrados);
  • minimizar retrações e desgastes do esmalte dental;
  • aumentar o comprimento dos dentes (há pessoas adultas que possuem dentes muito pequenos, desproporcionais para a sua idade e tamanho).

Lente de contato dental como funciona

Para quem não é indicada a lente de contato dental?

Como em vários outros procedimentos, nem todo mundo pode colocar lente de contato dental. Ela não é recomendada nos seguintes casos:

  • pessoas com dentes que possuem alteração acentuada na cor (como dentes muito manchados);
  • pessoas que rangem os dentes enquanto dormem, pois as lentes podem ser quebrar;
  • em dentes com restaurações muito antigas;
  • em dentes fracos e desvitalizados, pois podem se soltar facilmente;
  • pessoas que possuem dentes sobrepostos (uns sobre os outros);
  • pessoas cujos dentes da arcada dentária superior (dentes de cima) não encostam em todos nos dentes inferiores (dentes de baixo);
  • quando há diminuição do esmalte dental, por fatores como uso de bicarbonato de sódio de forma intensa e exagerada para limpar ou tentar clarear os dentes em casa.
  • entre outros motivos.

Mas se você deseja ficar com os dentes mais bonitos e acredita que por causa dos motivos acima não poderá colocar a lente de contato nos dentes, o ideal é procurar um dentista especializado em estética. Assim, ele fará uma avaliação. Se o método for realmente contraindicado a você, ele poderá encontrar outra solução estética.

Como é o procedimento para colocar as lentes de contato dentais?

Agora chegamos na parte em que você vai entender um pouco mais como funciona o trabalho do dentista que colocará as lentes em cada um dos seus dentes.

Qual é o primeiro passo quando se quer colocar lentes de contato nos dentes?

A primeira coisa que você deverá fazer é procurar um dentista que seja especializado na técnica, como quem atua com estética bucal. Se você não conhece nenhum, o seu dentista poderá indicar. Além disso, pode ser que o seu dentista faça esse trabalho e você nem saiba.

Como é a primeira consulta para deixar os dentes mais bonitos com lentes de contato?

Neste passo você já encontrou o profissional que analisará seus dentes para verificar se o uso das lentes está indicado para o seu caso. Quem não possui as contraindicações que citamos antes, certamente será candidato a colocar lente de contato dental.

Quais são os exames necessários para colocar as lentes de contato nos dentes?

O próximo passo é a realização dos exames solicitados pelo dentista. São eles:

  • exames de Raios X;
  • molde da boca;
  • análise do sorriso.

A partir desses exames, o dentista conseguirá avaliar o que precisará ser alterado (aprimorado) em seus dentes e o que será adequado para o seu caso.

Quem faz a lente de contato dental?

Depois que o dentista fizer toda a análise do material acima, ele enviará o modelo a um protético. Esse é o profissional que fará cada uma das lentes dentais.

dentista1

O protético poderá fazer as lentes de forma manual ou com auxílio de um aparelho que faz as lentes nos mínimos detalhes, de acordo com o que você e seu dentista planejaram.

Como a lente de contato dental é colocada?

Assim que as lentes de contato para os dentes estiverem prontas, passamos para a fase de colocação nos dentes. Antes de colocá-la nos dentes, tanto o paciente, quanto o dentista examinam as lentes para ver se elas estão de acordo com o que foi combinado. Depois disso elas serão cimentadas nos dentes.

A forma de colocação das lentes é muito rica em detalhes e o encaixe deve ser preciso, por isso, o dentista terá toda atenção em cada dente que receberá a lente de contato.

Em geral, para colocar as lentes de contato nos dentes, são necessárias algumas sessões, pelo menos três, assim divididas:

Primeira sessão:

É feito um planejamento de como será o procedimento. A seguir, o dentista vai preparar os dentes e fazer uma prévia com uma faceta de resina para o paciente ver como ficarão os dentes e se deseja mudar algo.

Demais sessões:

Nas próximas consultas, o dentista fará a prova das lentes dentárias de contato propriamente ditas. Essa etapa é muito importante, pois é aqui que paciente e dentista verão o resultado final.

Última sessão:

Se, ao notar o resultado final, o paciente e, muitas vezes também o dentista, acharem que o dente ficou com uma cor mais clara do que o ideal para a pessoa ou se algo na lente não agradou, ainda é possível fazer alterações.

Se neste último momento o paciente achar o dente mais claro do que ele queria, maior que o desejado ou qualquer coisa pessoal que ele quiser mudar, ainda é possível. Isso porque, quando estiver pronto, não há mais como mudar.

Se houver algo a mudar nas lentes, será necessária mais uma sessão. Antes dela acontecer, o protético fará as alterações solicitadas e, finalmente, colocará a lente de contato no dente.

Vale lembrar que é possível fazer lentes de contato para vários dentes, mas também para apenas um. Ou seja, se você acha que apenas um dente está incomodando na aparência, poderá colocar a lente de contato nesse dente e deixá-lo em harmonia com o restante dos seus dentes.

A colocação de lente de contato dental é feita com anestesia?

Depende. Quando os dentes do paciente não estão muito desgastados é possível fazer a colagem sem anestesia. Porém, se os dentes estiverem desgastados ou se for preciso fazer reparos maiores o dentista poderá sugerir ao paciente a colocação sob anestesia.

Essa atitude evitará desconfortos para o paciente, pois um dos produtos que são usados para preparar o dente que receberá a resina que une a lente ao dente é ácido, podendo causar dores relacionadas à sensibilidade dentária.

As lentes de contato são colocadas apenas nos dentes da frente?

O mais frequente é colocar as lentes de contato nos dentes da frente. Porém, há situações em que os dentes do fundo da boca (chamados pré-molares) possuem cor ou formato muito diferente do que foi planejado no início do tratamento.

Nestes casos, se esses dentes forem aparecer quando o paciente sorrir, as lentes podem ser colocadas até nos últimos dentes da arcada.

O mesmo acontece com os dentes da frente inferiores. Se a cor deles ficar muito diferente dos dentes de cima pode ser preciso fazer as lentes nos dentes de baixo também, para igualar a cor.

Lente de contato dental como funciona

Quais são os benefícios das lentes de contato para os dentes?

  • Rapidez no tratamento;
  • Resultados imediatos;
  • Melhora da aparência do rosto;
  • Simplicidade no cuidado e higiene;
  • Pouca manutenção com alta durabilidade.

E então, entendeu como a lente de contato dental funciona? Agora deixe um comentário no blog. Pode ser uma dúvida sobre a lente ou, se você já possui lentes de contato nos dentes, conte como foi a sua experiência com a colocação das lente. Participe!
dentista

Leave a Comment

(0 Comments)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp Logo Agende Uma Consulta Agora!