O Que Você Procura ?

escova interdental

Escova interdental: o que é, como usar e preço

dentista2

A escova interdental assim como o fio dental é um complemento à escovação. Diferente da escova de dente tradicional, tem como principal objetivo a limpeza entre os dentes, sendo fundamental para uma higiene bucal eficiente.

Saiba aqui o que é a escova interdental, como ela funciona, quais os seus benefícios e quanto custa:

O que é a escova interdental?

A escova de dente é uma escova pequena, de cerdas cônicas ou cilíndricas, macias e finas que realiza a limpeza entre os dentes. Sua extensão é feita por um cabo de plástico e por uma cabeça que possui as cerdas presas por um fio, que faz com que seja possível a limpeza dessas áreas que a escova de dente tradicional não é capaz de fazer.

É um complemento à passagem de fio dental, fazendo a remoção de restos de alimentos e de placa bacteriana acumulada entre os espaçamentos entre os dentes.

A passagem da escova interdental assume um papel importante no resultado da higiene bucal, atuando na ação preventiva de cáries e de inflamação gengival.

Por sua eficiência, a escova interdental é indicada para pacientes que fazem o uso de algum tipo de aparelho ortodôntico, que tenham passado por algum procedimento de implantes, coroas, pontes fixas, ou que tenham algum espaçamento avantajado na arcada dentária (diastema).

Assim sendo, essa escova é bem diferente do modelo tradicional, sendo a melhor opção para a remoção de placas bacterianas localizadas em locais de difícil acesso na arcada dentária.

como usar escova interdental

Como usar a escova interdental?

Assim como os demais instrumentos de higiene bucal, a escova interdental possui um papel importante tanto no tratamento quanto na prevenção de problemas de saúde bucal. No entanto, para que ela cumpra com o seu papel, ela deve ser manuseada de forma correta.

dentista1

A escovação com a escova interdental deve ser feita perpendicularmente, sendo baseada em movimentos de fora para dentro da boca. A passagem deve-se basear em movimentos suaves, sem ser utilizada muita força para que a mucosa não seja machucada durante o processo.

Algum desconforto pode ser sentido durante os principais dias de uso, também sendo comum sangramentos, indicando uma possível inflamação por placa bacteriana.

O uso da escova interdental deve ser feita diariamente, acompanhando uma das 3 escovações diárias. Não há necessidade de realizar movimentos de frente e para trás, já que pode ocasionar lesões na gengiva, podendo levar a retração gengival e o aparecimento de manchas escuras.

Escova interdental ou fio dental?

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, a escova interdental não é uma alternativa à passagem do fio dental, não sendo capaz de substituir esse bom hábito.

O ideal é que a escova interdental seja utilizada em conjunto com o fio dental.

A contínua necessidade do fio dental se deve ao fato de que devido às irregularidades anatômicas dos dentes, existirem espaços, que assim como a escova tradicional, a interdental não é capaz de adentrar e realizar a limpeza.

Dessa forma, as escovas interdentais são as mais indicadas em aberturas em que o fio dental passa com mais facilidade, não promovendo a esfregação necessária para a remoção da placa mais colada nos dentes.

Como escolher entre a escova interdental e a escova ortodôntica?

Frequentemente confundida com a escova ortodôntica, a interdental é a que possui uma melhor higienização entre os espaços dos dentes. A ortodontia é a que melhor se adapta à limpeza dos espaçamentos entre os braquetes.

O design para a escova ortodôntica foi feito para que seja feita a limpeza eficiente da superfície dos dentes e de seus lados, sendo bastante indicada para a limpeza dentária em meio ao uso do aparelho fixo. Dessa forma, a anatomia do modelo ortodôntico não permite que suas cerdas alcancem os espaços entre os dentes.

Enquanto isso, a escova interdental, como dito, é própria para essa função, possuindo um arame em meio a cerdas que possibilita a sua inclusão por entre os dentes.

Vale destacar que o estilo das cerdas da escova interdental difere a sua função da limpeza bucal, sendo as escovas cônicas mais indicadas para a limpeza das peças do aparelho fixo e as cilíndricas com as ideais para a inserção nos espaçamentos da dentição.

Para quem apresenta dentes muito separados, o indicado é que se compre uma escova mais volumosa para preencher os espaços e limpar corretamente. No contrário, em casos de dentes mais apertados, o ideal é um modelo mais fino.

O ideal é que se converse com o dentista para que o kit de higiene bucal completo e mais adequado seja estabelecido e recomendado.

Quais são os benefícios da escova interdental?

Os benefícios do uso da escova interdental estão diretamente ligados à promoção de uma saúde bucal. O espaçamento entre os dentes são as áreas mais propensas para o acúmulo de restos de alimento, de bactérias e assim para a formação da placa bacteriana.

Uma vez que seja feita uma higiene adequada e completa, é feita assim a ação preventiva a problemas como halitose (mau hálito), tártaro, cáries e inflamações e infecções da gengiva.

Além disso, por meio de uma higiene bucal bem-feita, é mantido um sorriso mais saudável e mais bonito, melhorando a autoestima do paciente e seus relacionamentos sociais.

Vale destacar que mesmo com sua indicação para pacientes que estão passando por um tratamento ortodôntico com aparelho fixo, esse item também pode ser bem-vindo para quem não está passando por uma correção ortodôntica.

Quanto tempo dura a escova interdental?

Assim como a escova de dente tradicional deve ser trocada diante do desgaste e desalinhamento aparente das cerdas, ou a cada 3 meses, a escova interdental também possui uma uma periodicidade de troca.

Essa periodicidade também deve seguir o bom estado das cerdas da escova, mas pode ser regido pelas orientações apresentadas pelo fabricante. Acompanhando a escova convencional, o tempo de uso não deve ultrapassar 3 meses.

O que fazer quando a gengiva sangrar pelo uso da escova interdental?

É importante que sejam tomados os devidos cuidados para que a passagem da escova interdental não cause lesões na gengiva. Diante de movimentos bruscos e repetitivos, podem haver sangramentos na gengiva.

Com o aparecimento de sangramentos o paciente deve está ciente de outros cuidados. O sangramento é um sinal claro de inflamação e da fase inicial da gengivite, resultante do acúmulo de bactérias.

Os sintomas da inflamação desaparecem em poucos dias pela remoção do tecido inflamado, isso por meio do uso diário da escova interdental e do fio dental.

O uso da escova interdental pode ser interrompido em casos de sangramento contínuo e de dor intensa.

Desse modo, é por uma higiene bucal adequada que se é possível realizar o tratamento devido dessa complicação, prevenindo o estágio mais grave da gengivite, a periodontite, que pode causar até mesmo a perda dentária.

Como guardar sua escova interdental?

Tão importante quanto o uso correto da escova, é importante que a escova interdental seja armazenada da forma adequada.

Para guardar a escova interdental o indicado é que sejam usados porta-escovas com divisórias e sem capas, ou caixas próprias. Sendo as mesmas indicações feitas para as escovas normais.

Para evitar o acúmulo de umidade nas cerdas, e assim, a proliferação de microrganismos, a sua escova deve ficar na posição vertical em um ambiente aberto. Não se esqueça de lavar a escova em água corrente para que sejam eliminados restos de alimentos ou de creme dental.

escova interdental preço

Qual o preço de uma escova interdental?

O preço da escova interdental é bastante variável, considerando o seu tipo e a sua marca.

Em média, o preço pode variar de R$ 6 (seis reais) a R$ 25 (vinte e cinco reais).

Visitas regulares ao dentista

As visitas regulares ao dentista são essenciais para que haja a prevenção e o tratamento precoce dos principais problemas bucais.

É por meio dessa periodicidade que o dentista é capaz de avaliar a saúde bucal e passar ao paciente orientações e recomendações quanto a sua saúde e higiene bucal.

Além disso, é pelas idas ao consultório odontológico que se é possível realizar procedimentos regulares, tais como a limpeza profissional (profilaxia).

Logo, a visita a uma clínica odontológica OralDents visa não só um sorriso mais bonito, mas também uma melhor qualidade de vida.

O seu sorriso é nossa prioridade! Confie na OralDents!

Você tem alguma pergunta? Deixe sua pergunta abaixo e nós teremos prazer em respondê-las.

dentista

Deixe um Comentário

(0 comentário)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp Logo Agende Uma Consulta Agora!