O Que Você Procura ?

consultório odontológico

Consultório odontológico: passo a passo para montar seu consultório

dentista2

O principal sonho de qualquer dentista depois de se formar é abrir o seu próprio consultório odontológico. Contudo, abrir uma clínica odontológica por conta própria pode exigir alguns cuidados a mais do que abrir uma clínica por uma franquia odontológica de renome.

Veja aqui o passo a passo para abrir um consultório odontológico e quais os principais fatores para se levar em consideração e veja também qual vale mais a pena, abrir um consultório odontológico próprio ou uma franquia odontológica de prestigio:

Como montar o seu consultório odontológico?

Para quem deseja começar do zero, alguns fatores devem ser considerados antes de abrir uma clínica odontológica, veja quais são:

1. Planejamento

O planejamento é o primeiro passo para que tudo ocorra de maneira assertiva. Também é através de um plano de negócio detalhado e eficiente que se é possível evitar momentos desconfortáveis.

Para que todo o processo de abertura esteja dentro dos conformes, é importante se considerar uma perspectiva ampla e objetiva do mercado além de um planejamento financeiro completo.

Já aqui deve-se considerar os pontos benéficos e desvantajosos para abertura evitando surpresas desagradáveis. Além disso, se leva em consideração as particularidades dos concorrentes, fornecedores e possíveis sócios, além da demanda da região.

Esse passo é extremamente importante e evita que erros aconteçam durante o funcionamento da clínica. Aqui são considerados não só aspectos mercadológicos e financeiros, mas também jurídicos.

2. Segmentação de serviços

A segmentação de serviços também está presente entre os principais fatores a serem levados em conta antes de abrir um consultório odontológico.

Atualmente a odontologia engloba uma série de serviços que o dentista especialista pode realizar. Entre os tipos de serviço que um odontologista pode realizar estão: Ortodontia, Endodontia, Periodontia, Prótese dentária, Implantodontia, Radiologia, Odontopediatria, Traumatologia, Dentística e Harmonização Orofacial, envolvendo desde a reabilitação do sorriso à procedimentos faciais.  

dentista1

Na maioria das vezes, uma clínica odontológica possui uma vasta lista de serviços. Optar por várias modalidades de atendimento é essencial para aumentar a competitividade de sua clínica odontológica.

Vale considerar também o potencial de fidelização e lucro da clínica odontológica, que é aumentado, uma vez que o paciente prefere realizar todos os serviços odontológicos em um mesmo lugar.

3. Pesquisa de mercado

A análise da demanda local e do mercado da região também é uma das principais preocupações antes de tornar o objetivo concreto. Nesse contexto é importante considerar a oferta de serviços dos concorrentes e se há ou não público para determinada especialização.

Uma vez que as especializações que serão oferecidas pela clínica já estão determinadas, é interessante que também haja a preocupação quanto a precificação do tratamento, pesquisando as tabelas de preço dos concorrentes.

A pesquisa também pode envolver a disponibilidade de fornecedores de equipamentos que a especialização envolve e a acessibilidade de se obter os instrumentos necessários. A determinação de preços aqui são bem-vindos, evitando ajustes futuros e que geram incômodo na decisão do paciente.

É por meio dessa análise precisa do mercado que se é possível ter noção da margem de aceitação do público local que é essencial para a definição da persona principal da clínica.

4. Localização do consultório odontológico

A localização do consultório é decisiva para que haja uma margem de lucro futura aceitável. Deve-se haver um estudo profundo da acessibilidade que seu público-alvo deverá ter para se locomover até a sua clínica.

Aqui deve-se considerar a porção de possíveis pacientes que vivem nas proximidades do local e também a sua infraestrutura.

Entre os fatores simples mais expressivos relacionados estão as rotas de ônibus, disponibilidade de estacionamento, encaixe de restrições de zoneamento e regras sanitárias.

É interessante considerar também as despesas que determinado lugar ou imóvel poderá render por intervenções e adaptações

5. Exigências legais

Antes de passar por futuras surpresas desagradáveis é importante se considerar as exigências legais envolvendo o setor odontológico e as exigências das autoridades da região.

Aqui é importante optar por estudar previamente a legislação da Vigilância Sanitária, Corpo de Bombeiros e Prefeitura, que regem desde as condições do estabelecimento às formas de atendimento e prestação de serviço.

Também deve-se considerar o Plano Diretor da cidade que estabelece o tipo de atividade comercial permitida em cada bairro e limites definidos. Deve-se considerar a divisão dos eixos comerciais, industriais e mistos.

Ademais, é importante considerar as orientações do setor jurídico. Entre os documentos que devem ser envolvidas nesse estudo estão a inscrição na Junta Comercial e na prefeitura, CNPJ, licença sanitária, registro no Corpo de bombeiros, cadastro na Caixa Econômica Federal para o recolhimento de FGTS e INSS, alvará de funcionamento do consultório e por fim, o registro no Conselho Regional de Odontologia (CRO).

Logo, é importante saber das exigências que envolvem esses registros e se há ou não necessidade de pagamento de taxa.

Vale destacar que uma das obrigações que o consultório odontológico deve cumprir é o plano de gerenciamento de resíduos, uma vez que os serviços odontológicos produzem resíduos que trazem riscos à saúde pública. Dessa forma, o plano tem como objetivo dar o destino devido ao tipo de material descartado.

Por fim, o número de funcionários estabelecido irá depender da dimensão do consultório odontológico e os deve-se preocupar quanto aos equipamentos básicos pré-estabelecidos.

6. Organização de estoque

Para que a clínica siga um ciclo harmônico de procedimentos é importante que desde o início seja pensado na forma que será feito o fornecimento e o estoque dos instrumentos e materiais necessários.

Além disso, para evitar um ciclo repetitivo, se atentar para uma proporção satisfatória do local de armazenamento é essencial.

Para que haja um bom fluxo de equipamentos é necessário realizar um cálculo prévio do que deverá ser utilizado e a validade de cada tipo de material. Dessa forma, é importante definir um nível médio satisfatório, tal como um crítico e exagerado.

Para evitar níveis de escassez é importante ter uma rede de contato de fornecedores relacionados aos instrumentos necessários para cada tipo de serviço.

7. Marketing e divulgação

A divulgação da clínica deve ser planejada também nos primeiros dias, já que é a divulgação um dos principais fatores que irá influenciar no lucro da clínica odontológica e dos serviços prestados.

Elaborar um marketing bem pensado de seu consultório é o que permitirá que ele seja visto por um grande público e assim dá retorno em clientes e lucro, resultando assim na longevidade do negócio.

Seja o marketing tradicional ou digital, ou pela junção dos dois, deve-se saber ser assertivo para chamar a atenção do lead (cliente em potencial), seguindo o Código de Ética Odontológica.

consultório odontológico e franquia odontológica, qual o melhor

Consultório odontológico ou Franquia odontológica, qual a melhor opção?

Para começar, é necessário fazer uma comparação entre começar com um consultório ou abrir uma franquia. É melhor optar pelo consultório odontológico ou os benefícios de uma franquia odontológica são mais interessantes? E quais os resultados podem gerar se comparados os dois modelos.

Antes de se aventurar no objetivo de montar um consultório odontológico do zero, considerar que a maioria dos detalhes podem ser facilitados pela estrutura da franquia pode fazer você perceber qual o melhor rumo para você.

Nesse contexto, o franqueador, o dono da marca, proporciona ao franqueado o direito de uso do modelo de negócio (produto, serviços, estrutura, identidade visual e conceitual). Assim, feito o investimento, se tem o apoio necessário desde o lançamento e abertura da unidade franqueada, até o desenvolvimento do processo de atuação.

O setor odontológico é um dos segmentos de maior expansão, que oferece assistência e lucro confirmados. Ainda mais quando associada a uma franquia de renome e sucesso como a clínica OralDents.

Entre os benefícios de ser um franqueado das clínicas OralDents estão a credibilidade associada, segurança na execução dos processos, suporte jurídico, administrativo e financeiro, apoio de marketing avançado, alta tecnologia e inovação constante.

A Clínica Odontológica OralDents já conta com mais de 118 clínicas à disposição e bem posicionadas no mercado. Contando com uma rede de profissionais capacitados e uma infraestrutura de destaque, possui uma boa visibilidade no mercado por conta de milhares de pacientes satisfeitos.

Tá esperando o que? Invista sem medo e com segurança e venha ser mais um franqueado OralDents!

Venha fazer parte dessa família de cases de sucesso!

dentista

Deixe um Comentário

(0 comentário)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp Logo Agende Uma Consulta Agora!