O Que Você Procura ?

buraco no dente

Buraco no dente: entenda o que é e como tratar

dentista2

O buraco no dente, também chamado de erosão dentária, é um dos principais danos a estética do sorriso. A causa da erosão dentária é a incidência da cárie, que evolui e toma proporções mais profundas na arcada.

A cárie por sua vez, se trata da proliferação de bactérias e do desenvolvimento da placa bacteriana, e possui como sintomas iniciais dores localizadas e sensibilidade. Mas como essa problemática pode acarretar o buraco no dente? Saiba a resposta a seguir e boa leitura!

O buraco no dente e a cárie

O buraco no dente é causado na maioria das vezes pela cárie dentária, ao mesmo tempo que pode ser por meio do desgaste de um material restaurador. Logo, uma vez que a cárie é detectada e é importante ter atenção aos cuidados necessários e a incidência de alguma abertura.

Essa complicação quando evoluída leva a perda de minerais do esmalte, uma vez que as bactérias liberam ácidos que degradam o dente, processo chamado desmineralização.

O processo de desmineralização do dente começa através de uma mancha branca e é a evolução desse sinal que faz com que se formem cavidades na dentição.

Possíveis riscos à saúde bucal

O buraco do dente é capaz de promover riscos quanto a saúde bucal. A cárie dentária quando não tratada em sua fase inicial pode favorecer a incidência de novas complicações à saúde. Dentre as suas fases evolutivas atinge a polpa dentária, o que faz com que um tratamento endodôntico seja necessário.

A falta do tratamento da cárie pode gerar dor e impulsionar até mesmo infecções e a perda de parte da arcada dentária. Esses fatores, além de prejudicar a saúde bucal, impactam fortemente na estética do sorriso e na autoestima.

É necessário que ao perceber uma erosão dentária ou demais alterações quanto a coloração e a sensibilidade, se recorra ao um dentista especialista o mais rápido possível. A visita regular ao profissional impede com que problemas bucais se agravem e desenvolva ainda mais. Além disso, é somente com o acompanhamento profissional que se detecta os danos no início, favorecendo o seu tratamento.

Cárie inicial

A cárie dentária se inicia em decorrência a atividade de bactérias streptococcus mutans, que uma vez estaladas na flora bucal se alimento de resíduos de alimentos deixados para trás pela higiene bucal. As bactérias, por sua vez, começam assim o processo de desmineralização.

O dente cariado prejudica a estética do sorriso e se não tratado pode trazer uma série de riscos a saúde bucal. A carência de minerais advinda da proliferação das bactérias enfraquece a dentição e faz com que os dentes tendam a quebrar e perderem a sua funcionalidade.

dentista1

O buraco de dente, como dito, é a fase final da cárie, e pode, em casos mais graves, atingir a raiz da parte da arcada atingida. À medida que a cárie vai tomando maiores proporções, atinge gradualmente, a polpa, o tecido mole, e a raiz do dente, o que favorece a queda. À medida que vai evoluindo, a coloração da cárie também muda, tendendo a escurecer.

Há casos que mesmo tomando todos os cuidados necessários quanto a higiene bucal e visitando o consultório odontológico periodicamente, a cárie se desenvolver. Isso se deve a predisposição genética, que deve ser detectada pelo dentista com a finalidade de trazer maior precisão ao tratamento.

Diagnóstico da cárie dentária

O dentista, no processo de diagnóstico da cárie dentária, realiza uma avaliação precisa da estrutura da arcada dentária. Essa análise é feita pela percepção visual e através do auxílio de uma sonda. Uma radiografia pode ser necessária para que o estágio da doença seja identificado, assim como a progresso.

O diagnóstico do buraco do dente também é feito visualmente, já que é de fácil percepção e de grande impacto no estado da dentição. Uma vez detectada a erosão dentária, o dentista encaminha o paciente para o processo de remoção da cárie, bem como para o cobrimento da cavidade.

como tampar buraco no dente
Mulher sorrindo, um sorriso com uma estética agradável aumenta a autoestima

Tratamento do buraco no dente

Assim como demais problemas dentários, o buraco no dente necessita de um acompanhamento profissional para o seu tratamento. Com isso, o procedimento abrange não só a remoção da cárie, mas também na aplicação de um material restaurador; a “massinha odontológica”.

Ademais, o tratamento para obter sucesso necessita da disciplina do paciente. Dentre as recomendações estão evitar a ingestão de alimentos com alto teor de açúcar, uma vez que são os principais responsáveis pela proliferação de microrganismos.

Uma boa higienização bucal também é essencial para a prevenção da cárie, compreendendo uma escovação precisa; com creme dental com flúor, a passagem do fio dental e o uso do enxaguante bucal.

Após a incidência da cárie, deve se ter em mente a manutenção desses bons hábitos, para que esses danos não voltem a aparecer. Uma alimentação saudável em si também é um dos cuidados preventivos.

Como tampar buraco no dente?

O material restaurador; a massinha, pode ser composto de diversos materiais, podendo possuir uma variedade de espessuras. Essa composição é usada para processos de obturação e restauração conforme é aplicada após a retirada do tecido cariado.

A famigerada massinha; preferivelmente branca, é uma resina resistente durável que é usada na maioria dos casos em que a estética do sorriso está comprometida. Logo, o uso da massinha é preferível não só na ocorrência de lesões de cárie, mas também por causa da quebra de dente.

A restauração é feita pela massinha a fim de retomar a estrutura original e a funcionalidade total da arcada dentária, substituindo assim o tecido do dente que foi perdido. O processo de restauração em si envolve então a remoção do tecido afetado, a limpeza do local, a aplicação do material restaurador e o seu ajeitamento.

Diferentes casos requerem tipos de resinas diferentes. A faixa etária e em casos de dentição de leite, se solicita uma abordagem menos invasiva, sendo necessário o uso de materiais específicos.

Entretanto, as resinas ainda vem sendo lançadas com novos componentes, novas espessuras e colorações; mesmo já sendo encontradas em formas variadas. A tecnologia focada nesse recurso visa uma estética mais agradável e um uso mais acessível.

Como prevenir o buraco do dente?

Por fim, para se prevenir o buraco de dente deve-se tomar algumas medidas que buscam manter a saúde bucal livre de complicações, como a cárie. Entre essas medidas estão a redução do consumo de açúcares, a higiene bucal completa, visitas regulares ao dentista e a manutenção da salivação; uma vez que ele equilibra a acidez oral e conserva os minerais da dentição.

A manutenção de bons hábitos é a chave para a conservação de um sorriso saudável e com uma estética agradável.

Assim, não deixe de realizar as consultas rotineiras no consultório odontológico. A OralDents tem a solução para você. Agende uma avalição agora e garanta mais saúde ao seu sorriso.

Gostou do texto? Tem alguma dúvida ou sugestão? Deixe aqui nos comentários!

dentista

Deixe um Comentário

(0 comentário)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp Logo Agende Uma Consulta Agora!