O Que Você Procura ?

escova de dente para aparelho

Escova de dente para aparelho: como escolher a ideal

dentista2

Escova de dente para aparelho deve ser escolhida com atenção. Todo mundo sabe da importância da rotina de higiene bucal para a saúde da boca, no entanto, saber escolher os produtos é igualmente importante. Ainda mais para quem usa o aparelho ortodôntico. 

Um dos principais motivos que estão por trás do desânimo sobre o uso do aparelho é a própria higienização. Isso se deve às peças do apetrecho que dificultam ainda mais a execução do passo a passo. Entretanto, a higiene bucal é determinante para o sucesso deste tratamento.

Saiba aqui como escolher a melhor escova de dente para aparelho e os demais cuidados. Boa leitura!

Escova de dente para aparelho, como escolher?

A higienização para um paciente durante o tratamento com aparelho ortodôntico é ainda mais exigente do que a de um paciente que não está. Para obter uma higiene bucal eficiente se deve vencer os obstáculos das estruturas metálicas, o que acaba por dificultar ainda mais o processo e tornar esse processo algo desagradável.

É também por essas estruturas que pessoas com aparelho possuem uma maior tendência ao acúmulo de bactérias. As peças favorecem que os restos de alimentos fiquem presos e os tornam ainda mais difíceis de se remover pela escova tradicional. 

Assim sendo, fica ainda mais evidente a necessidade de uma escova de dente específica para essas situações. 

O biofilme dental e o aparelho ortodôntico

O biofilme se trata justamente da biopelícula formada por proteínas, juntamente a glicoproteínas salivares, e que acaba por atrair a ação de microrganismos. 

Embora acabe por atrair bactérias é de presença importante para os dentes, isso pois atua como uma espécie de proteção ao esmalte dentário. Outro atributo para o biofilme é ser uma reserva de íons protetores, como o flúor.

Destacando a sua qualidade negativa, é o ambiente propício para a adesão de placas bacterianas e dentais, que são os grupos de bactérias que se alojam nas superfícies e nas frestas do aparelho ortodôntico. 

Ademais, em sua composição pode haver microrganismos sintetizadores de ácidos que podem desmineralizar o dente, o danificando e fazendo com que ele perca parte de sua resistência. 

dentista1

Assim se formam manchas brancas ou amareladas ao redor dos bráquetes, e que mais tarde podem evoluir para um tártaro, uma cárie e para o surgimento de doenças gengivais.

Os tipos de escova de dente para aparelho ortodôntico

Como dito, para a remoção dessas placas de bactérias, a escova manual pode não ser eficaz e suficiente. Veja 3 tipos de escovas que podem ser a solução para esse problema e trazer um melhor resultado durante a higiene bucal:

Escova Implant Ortho

A escolha da escova Implant Ortho é bem diferente da grande maioria das tradicionais, e é bastante popular entre os dentistas e os pacientes que já fazem o uso do aparelho há um tempo. 

É um modelo que possui as cerdas mais macias e que se divide em duas fileiras. Esse novo estilo faz com que a escovação atinja todos os cantos da boca, principalmente aqueles que a escova normal não alcança.

Além dessa característica, o cabo da Implant Ortho é flexibilizado, podendo se tornar maleável em contato com a água quente, e assim, fazendo com que a sua passagem fique ainda mais confortável e de fácil mobilidade.

Escova ortodôntica

Também contrariando o senso comum de que todas as escovas são iguais, a escova ortodôntica possui um corte interno com o formato de “V”, tornando possível uma limpeza eficaz em cima e embaixo das peças do aparelho ortodôntico. 

Com isso, se facilita ainda mais a realização dos movimentos da forma correta, já que se necessita apenas de posicionar a escova adequadamente.

Desse modo, essa característica faz da escova ortodôntica um modelo ainda mais indicado, já que retira a placa bacteriana que está presente entre os dentes e as estruturas de fixação do aparelho. Tenha em vista que a limpeza bem feita da dentição e do aparelho é determinante para o sucesso do tratamento, para a manutenção estética e da saúde bucal. 

Escovas interdentais

As escovas interdentais, por sua vez, é um modelo específico que atinge pequenas brechas que os demais não conseguem. Possui uma variedade de tamanhos a disposição, sendo os recomendados neste caso o de 0,05 mm, 0,06 mm ou também o de 0,07 mm. 

É uma escova fina e que é bastante similar ao fio dental. Por isso, seu uso deve ser, preferencialmente, feito ao fim do processo de higienização, retirando os resíduos restantes. 

Logo, nesse sentido, as escovas interdentais são coadjuvantes, sendo um adicional a escovação feita com os demais modelos, a passagem do fio dental e o bochecho com o enxaguante bucal. Opte por uma que contenha broxas substituíveis.

escova de dente para aparelho odontológico
A escovação com uma escova própria é essencial para que o tratamento atinja seu objetivo sem complicações.

A finalidade da escova de dente para aparelho odontológico

Como visto, a finalidade principal por trás das escovas de dente específicas para aparelho são a sua escovação mais precisa e acessível às minúcias do aparelho e aos espaçamentos entre ele e a dentição. 

Durante a escovação, deve-se atentar em especial a uma superfície em especial. Quem usa o aparelho deve procurar escovar bem o espaço da estrutura dentária entre o aparelho e a gengiva, já que tende a ser o local onde os restos de alimentos se instalam com maior facilidade, além de ser de difícil acesso para a escova. 

Na ausência de uma escova de dente específica, optar por uma escovação em conjunto com a escova de dente comum e uma interdental pode ser a solução ideal. Por conseguinte, as cerdas da escova comum devem ser macias, evitando os danos no esmalte do dente, na gengiva e até mesmo na estrutura do aparelho.

No caso do tratamento ortodôntico, o paciente não deve optar por escovas elétricas ou sônicas, uma vez que não terá como movê-las corretamente sobre a dentição. Outra contraindicação está no rápido desgaste das cerdas, necessitando de sua troca a cada 2 meses. 

Escova de dente para aparelho e higiene

Outro detalhe importante quanto às escovas de dente para aparelho é que sua abordagem também pode ser feita por pessoas que não possuam aparelho ortodôntico. No entanto, a higiene não terá bons resultados como a feita pela escova normal.

Isso se deve às suas cerdas desniveladas e que nesse caso, não realizam uma remoção tão boa quanto. Logo, o ideal é que se utilize as escovas de acordo com a situação que a sua função designa.

Outro detalhe importante é que também se deve trocar as escovas específicas para aparelho assim como as normais. O período também é semelhante, tal como de três a três meses. Entretanto, esse período pode variar por motivo de força excessiva e mordidas nas cerdas. Essas atitudes danificam a escova e faz com que ela perca gradualmente a sua funcionalidade.

kit de escova de dente para aparelho ortodôntico
O kit necessário para uma boa higiene bucal inclui a escova de dente, o fio dental ou escova interdental, e o enxaguante bucal.

kit de escova de dente para aparelho ortodôntico

Sabendo dos benefícios que envolvem as técnicas de escovação, não se limite a sua higiene bucal apenas a elas. A escovação sozinha não consegue garantir a boa limpeza da zona bucal, requerendo o uso do fio dental ou da escova interdental, e do uso do enxaguante bucal.

Assim como a escova interdental, o hábito do fio dental deve ser diário, acompanhando uma das escovações. O bochecho com o fio dental, por sua vez, deve ser feito por ao menos 30 segundos, sendo outra fase essencial da higiene bucal na rotina.

Certifique-se de escovar os dentes sempre ao acordar, após as refeições e ao se deitar, contando com o creme dental com flúor. A passagem do fio dental entre os dentes deve ser feita com o uso de um enfiador, facilitando sua entrada entre os arames do aparelho. 

O tipo de fio dental Super Floss também é capaz de te ajudar. Por demais, procure pelas orientações de seu dentista.

Visitas regulares ao dentista

Por fim, é de suma importância para um sorriso saudável, mais bonito e alinhado que se mantenha as visitas ao consultório odontológico sejam feitas periodicamente. O sucesso do tratamento leva em conta, além dos cuidados com a higiene bucal, as trocas de peças e a manutenção devida do aparelho.

É pelo dentista que você irá saber se o tratamento está indo bem, e é por ele que você poderá pedir as orientações quanto aos produtos ideais. É também pelas idas ao consultório que você poderá relatar a presença de algum incômodo e sanar as suas dúvidas.

A avaliação geral e o diagnóstico precoce são fundamentais para evitar os problemas bucais advindos da placa bacteriana, além da realização dos procedimentos regulares, como a profilaxia; limpeza profissional. 

Leve em conta que tomados os devidos cuidados, menos tempo você fará o uso do aparelho.

Portanto, garanta mais saúde e qualidade para seu sorriso agendando em uma de nossas clínicas odontológicas OralDents.

Gostou do texto? Tem alguma dúvida? Deixe aqui nos comentários!

dentista

Deixe um Comentário

(0 comentário)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp Logo Agende Uma Consulta Agora!